Apoio psicológico

Do ponto de vista psicológico, os casais que consideram utilizar a Ovodoação precisam passar por um período de reflexão e aceitação da ideia de conceber um filho com material genético de outra pessoa. Esta opção, perfeitamente viável para o casal conseguir a gravidez tão esperada, apresenta a vantagem de a mulher vivenciar o processo da gravidez e parto, favorecendo o vínculo mãe-bebê. O marido também poderá participar de todo processo facilitando a interação e a adaptação após nascimento do filho. Vale lembrar que os sentimentos da maternidade e paternidade independem dos componentes biológicos e fazem parte de um processo que ocorre ao longo do tempo, com o convívio, a criação e a natural formação dos laços afetivos.

Para que a Ovodoação ocorra de forma mais tranquila, os casais precisam perceber as reais vantagens do tratamento e entender que esses aspectos importam mais do que o componente genético do filho.

O aconselhamento psicológico oferece a esses casais o espaço para enfrentar e esclarecer suas dúvidas e angústias.

*Atenção: O IPGO conta com um psicólogo que dá apoio aos pacientes. Consulte a EQUIPE DE APOIO DO IPGO.

Informações e dúvidas: (11) 3885-4333 / 3884-3218
e-mail: [email protected]

Valores e Dúvidas sobre os
Tratamentos
Tire suas dúvida e saibas os valores dos nossos tratamentos